crédito • Meio & Mensagem

Guia não-oficial para SXSW 2020.

Artigos

Por Rodrigo Furlan:

Esta foi minha primeira vez no SXSW. De cara, fiquei realmente impressionado com a inovação que perpassa por todos os conteúdos do evento. Mas percebi que é preciso um guia de sobrevivência. Então, para facilitar a vida dos desbravadores de Austin em 2020, separei seis dicas bem fresquinhas. Confere aí!

Onde ficar

Não fique no centro. Os hotéis praticam preços surreais, desafiando sua sensatez e transcendendo capacidades financeiras. Opte por Airbnbs ou Alugue Temporada no sul ou no norte. 15 minutos de Uber, 30 minutos de ônibus, 40 minutos de bike ou 50 minutos de patinete. Ao chegar na cidade, passe no Whole Foods, abasteça a casa e seja feliz.

Mobilidade

Existe o excelente app de ônibus da cidade e os encantadores patinetes e bicicletas disponíveis via apps (Lyft, JUMP e Bird). Quase todos os dias usei a bike JUMP, e vibrava quando a encontrava em frente de casa, na manhã seguinte. Uber funciona super, mas vão, em média, 15 dólares por corrida. Tente deixá-lo para as festas ou para os dias de ressaca.

Comida

Se você é control freak com dinheiro, arrisco dizer que é possível se alimentar (quase) todos os dias sem gastar um tostão. Casas e ativações oferecem desde café da manhã até bebidas gratuitas, ao longo do evento. Esse tópico foi intensamente motivado pelo café da manhã escandinavo que a House of Scandinavia oferecia todos os dias na faixa. Saudades.

Palestras, eventos, shows

Comprei a badge Platinum e não me senti tão beneficiado. Com as outras opções, é possível, sim, vivenciar um ótimo festival, mesmo encarando certas filas. Aliás, elas não são tão assustadoras assim. São totalmente dentro do esperado em um senso comum de um bom evento. Se você se planejar e chegar cedo, dificilmente perderá algo. Não vacile.

O bullshit vive e se alimenta de você

“O futuro da mobilidade”, “Segredos do storytelling”, “Inteligência Artificial no passo a passo”: MUITO CUIDADO com esses títulos. Eles são pegadinha pura. Infelizmente ainda tem muita gente praticando o bullshit ou falando qualquer coisa que você encontra com meia hora de pesquisa no YouTube. Procure assuntos fora do tom, pesquise os palestrantes, principalmente se não tiver a ver com a sua área de conhecimento.

Festas

Se jogue na 6th Street, faça amizade com os rapazes e as moças de bicicleta e deixe Austin te levar. Você pode acabar em lugares inesquecíveis realizando networkings que não acontecem durante o dia.

Rodrigo Furlan é Diretor executivo e sócio da Broders.